Quem sou eu?

É uma boa pergunta. Muitas vezes não faço mínima ideia de como eu sou. Sou uma rapariga tímida e reservada, isso é certo, que demora o seu tempo até se revelar totalmente. Sou muito pensativa e estou sempre a questionar o porquê da minha existência.

Considero que sou uma boa ouvinte, conselheira e amiga. Gosto de ajudar os outros e não gosto de ver ninguém triste. Quando discuto ou estou zangada com alguém, tento sempre ver o lado da outra pessoa, para ter a certeza de que não estou a ser injusta ou arrogante. Não sou invejosa, antes pelo contrário, fico feliz com a felicidade dos outros.

Os meus maiores defeitos são ser um pouco preguiçosa, ser muito exigente comigo mesma e achar sempre podia ter ter feito melhor, se me tivesse esforçado mais;  ser muito tímida e por isso não ter coragem de dizer tudo o gostava de dizer às pessoas (quer para o mal, quer para o bem), ser um pouco desorganizada, mas estou a trabalhar para melhorar estes aspetos.

Comecei a tocar piano aos 6 anos, no conservatório de música de lisboa, depois de andar desde os 3 sempre a pedir à minha mãe para aprender. Desde então tenho ido a vários concursos nacionais e internacionais, saindo quase sempre premiada. Adoro tocar piano, pois como sou tímida, a música é o único sítio onde me posso soltar e ser eu própria. Quando toco piano é como se estivesse noutro mundo onde não vou ser julgada por ninguém, por isso, quando toco divirto-me mesmo. Sinto-me feliz, pois sou só eu e o piano.

Adoro ler, fazer desporto, estar com amigos, viajar (embora não o faça muito, porque não há dinheiro) e sobretudo divertir-me

Odeio pessoas fúteis e com a mania que são superiores, pessoas manipuladoras, mimadas;  a escola (não é que não goste de aprender mas na escola tenho precisamente de lidar com esse tipo de pessoas todos os dias) e odeio ficar o dia todo em casa.

7 comentários:

  1. [...Sou uma rapariga um pouco tímida e que demora o seu tempo até se revelar totalmente. Sou uma pessoa muito pensativa e que gosta de questionar o porquê das coisas e da vida....]
    Eu sou exactamente igual, tirando a parte do "tímida" e substituindo por "desconfiada".

    [...Gosto de ajudar os outros e não gosto de ver ninguém triste. Não sou uma pessoa invejosa e também não sou de julgar os outros....]
    Igual! :)

    [...Os meus maiores defeitos são eu ser, por vezes, um pouco preguiçosa, ser muito exigente comigo mesma e achar sempre podia ter ter feito melhor, se me tivesse esforçado mais. Outro defeito é não ter coragem de disser tudo o que por vezes gostava de dizer às pessoas. Também sou um pouco desorganizada....]
    No meu caso queixam-se por eu ser demasiado fria e dizer tudo o que tenho a dizer sem piedade, de resto é tal e qual! ;)

    Já eu adoro ficar em casa, e tanto na escola como nos trabalhos temos de lidar sempre com pessoas desprezíveis... De vez em quando temos a sorte de encontrar pessoas simpáticas e verdadeiras, mas infelizmente é raro...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. É realmente muito raro...

      Mesmo assim também há pessoas que se queixam de eu ser fria, mesmo não dizendo muitas coisas que devia dizer. Não percebo qual é o problema de uma pessoa dizer aquilo que pensa. Só porque uma pessoa é direta e diz o que pensa é logo fria. Eu sei que há coisas que custam ouvir mas essas coisas têm de ser ditas.

      Eliminar
  2. és muito parecida comigo, e também adoro o teu blog .. beijinho linda :)

    ResponderEliminar
  3. se tiveres skype adiciona para nós falarmos: carol.silva86
    e muito obrigada pelos comentários <3

    ResponderEliminar
  4. Oh meu Deus! Quando li isto quase que parecia uma descrição de mim própria! :O
    Okay, eu não toco piano há tanto tempo como tu e nunca fui a concursos. Digamos que a minha história com o pino é outra.
    Pareces-me muito simpática e estou a gostar do blog. Segui! :D

    ResponderEliminar

Não te acanhes. Dá a tua opinião. Adoro saber a opinião dos outros :)